Picture SNOWSHOEING IN SANTA FE (NEW MEXICO, USA, March 2010)

Vicky Mundo Afora ou Mundoafora? Nao importa. É vida de imigrante. O mundo eh tao grande. Por que deveria passar minha vida inteira no Rio de Janeiro? Preciso viver e falar outras linguas, viver com e como outras pessoas. Um dia eu volto. Para onde? Ora, para casa. Onde eh casa mesmo?



Picture credits on this blog go to my lovely husband, who has never enough of beautiful and interesting views all over the world. If a picture is not his, it will be linked to its original source.

Pesquisar este blog

Carregando...

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Mundo Afora Demais

Se voce é leitor de Vicky MundoAfora de longa data, sabe que essas histórias comecaram em Londres.  Passaram pela Itália algumas vezes de férias, e depois como "casa definitiva".  Voltaram para Londres e hoje se encontram no deserto dos EUA.  E os posts nao necessariamente seguem esta ordem.  Mundo afora mesmo! Ora, nem sempre eu tive computador a disposicao, vivi muita coisa surreal - no Brasil, na Inglaterra, na Itália - e as vezes com uns drinques a mais.  A intencao inicial era registrar essas situacoes inusitadas para poder rir melhor delas mais tarde.  Nem sempre foi possível.  Hoje com a vidinha calma que levo tenho muito tempo para ir me lembrando das coisas e registro o que posso e a memória deixa.

Londres será sempre a minha paixao, o amor geográfico da minha vida.  Se fosse uma pessoa eu teria casado com ela.  Um lugar que me faz feliz só de pensar em estar lá, ou do que vivi lá.  Sinto falta e vou sentir a vida inteira, o lugar onde eu era eu mesma todo o tempo, em tudo o que fazia, nas coisas que encontrava, nas experiencias que vivia.  Para saber quem sou eu basta olhar uma foto minha em Londres.  Qualquer uma.  Aquela sou eu, no lugar que meu coracao adotou.



A Itália foi um breve sonho que virou pesadelo e seguiu-se uma enorme frustracao.  Viver em estado de ópera é drama demais na vida de uma pessoa.  Serviu para me ensinar porque meus antepassados saíram de lá e nao queriam nem ouvir falar em Veneza depois.  Foi um hiato para mostrar que meu lugar é mesmo Londres.

EUA, bem aqui estou.  Casada e com a vida diferente.  Nao é mais o que eu quero, mas o que é certo para nós dois fazermos juntos.  A vida muda mesmo.  E eu gosto muito da minha vida de casada, nao importa se morando aqui ou na China.  Nunca quis vir nesse lugar, nem Disney de presente de 15 anos.  Nunca tirei visto ou tentei tirar visto para entrar aqui nem por 15 minutos.  E ouvir do agente de imigracao, quando fazia escala num voo para Londres, muitos anos atrás: "e por que voce nao tem visto para os EUA? Passaporte novo? Seu visto foi recusado quantas vezes?".  Minha mae me ensinou boa educacao e eu nao sou doida de discutir com agente de imigracao de país pouco confiável, portanto, respondi, nao o que queria, mas: "eu nunca quis entrar aqui, nunca pedi visto nenhum, estou indo para Londres."  Por dentro, bem Carlota Joaquina, bati muito bem os meus pés antes de entrar no aviao para a Europa.  E hoje, aff...  já faz um ano que estou morando no Novo México.  A vida MUDA!

Se vou para outro lugar ainda?  Nao dá para saber.  E também estou cansada, já estou saindo dos 30, chega de aventura agora.  Nao é mais só eu e a mochila, a bagagem é muuuuuito maior hoje, essas coisas tem que parar um dia.  E a gente tem que viver no lugar onde está, se adaptar com o ambiente novo, as pessoas diferentes e o email e telefone para amenizar a saudade dos que ficaram longe.  A gente se adapta e se acostuma sempre, querendo ou nao.  E o blog fica aqui para eu dar umas boas risadas de vez em quando.  É o caderno de memórias tecnológico.

***

16 comentários:

Paula Cavalcante disse...

viajando com vc...

é eu sei que são apenas para os excessos e é justamente por isso a falta de habilidade...nos famosos contornos rsrs...grande bj e maravilhoso findi!!!!

Vicky disse...

Oi Paula!

Voce é uma querida mesmo, né? A cada dia a gente vai se encontrando com outras novidades, e nem sempre elas funcionam do jeito que deveriam, ou será isso uma desculpa para a nossa falta de jeito? rsrsrs Beijao e bom findi para voce também.

Paula Cavalcante disse...

rsrs boa pergunta viu Cherry...confesso que em unhas e arrumação de cabelos sou uma negação rsrs...

Oh...vou deixar sim o link da loja pois adoro a mesma a Bruna junto com a Vivian do Blog Fabulous arrasam...já fiz compra por lá e elas são sempre super atenciosas!!! Grata por me lembrar dessa ótima dica Bjs e lindo findi!!!!!

Vicky disse...

Beijos! Nos encontramos no próximo post. :)

Anna Karine disse...

Todo mundo que ja morou na Italia e em outro pais Europeu tem a sua mesma opniao sobre o pais... Até eu que SO visitei outros paises europeus mas MORO na Italia tambem tenho. kkkk
Queria morar na Espanha...
Que vc consiga encontrar a paz que encontrou em Londres ai no Novo Mexico!Bjs

Vicky disse...

Oi Anna Karine!

Pois é, assim eu tenho ouvido. E se eu te falar que adorei Treviso (e queria voltar), só preferia que nao tivessem italianos lá, dá pra entender? Nem eu entendo. Acho que só a Babi, do Brasil na Itália é que se adaptou bem...

Beijao.

Brasil na Italia disse...

Oi Vicky, tudo bem?
Adorei esse seu artigo. Principalmente a parte em que voce fala que a bagagem começa a crescer e chega uma epoca que cansa um pouco se aventurar por esse mundo.
Mas ao mesmo tempo, nunca podemos saber como sera o amanha, ne?
Por enquanto aqui na Italia a vida vai bem, nao sei se sera assim para sempre. Quem sabera?
Vamos seguindo, essa vida que a gente nao sabe muito bem para que serve, mas que existira alguma razao no final das contas? Enquanto vc eh catolica eu nao sei em que acredito. Somos opostas ate nisso, mas adoro conversar com vc.
Tudo de bom para nos!
Um beijao,
Babi

Kerou disse...

Vicky querida!! queria escrever um email pra vc sobre as bijoux que vc gostou... mas não encontrei seu contato em nenhum dos blogs =/ pode me mandar email no kdolzinha@hotmail.com acho que assim fica mais fácil...

beijinhus*

Paula Cavalcante disse...

Concordo com vc...mas o nome lançamento grita e isso independe de marca...sou um terror e desejo do fundo do core que minha Derma nunca descubra ou leia o bloguito rsrs, bjs lindona...marvailhosa semana!!!

GIL disse...

Vick, que vida cheia de aventuras, é cultura na certa, estou te visitando pela primeira vez, sou do Brasil, adorei ler tudo é gostoso.....boa semana pra vc.....bjks....Gil

Vicky disse...

Babi! Pois é, gosto de voce como se fosse uma velha amiga. Espero que nao demore muito até eu ir a Itália novamente, e daí vou a Toscana para a gente finalmente se encontrar. Quando terminei meu curso em Conegliano eu quase me inscrevi para um mestrado de marketing enológico na Universidade de Firenze. O que teria sido de mim se tivesse feito isso? Enfim, nessa próxima viagem eu TENHO que passar uns dias em Montalcino. Como sinto falta daquele vinho, quem sabe nao arrumo um emprego por lá?

E uma coisa

Vicky disse...

Oi Kerou!

Vou mandar o email pra voce sim. Aqui no blog nao tenho meu email divulgado, só uma caixa para contato embaixo do meu perfil. E funciona, ainda bem.

Vicky disse...

Paula, que a sua dermato nao descubra entao! Eu sei como é, ainda mais se a gente ve uma embalagem bonitinha. Sabe os produtos da Benefit? Depois deles várias outras companias comecaram a fazer embalagens bonitinhas, cor de rosa, enfeitadas de pin ups. Quando vi a primeira vez eu fiquei doida. Ainda bem que trabalhava no ramo, me deram várias amostras e uma das minhas amigas era makeup artist de lá, entao eu tava sempre maquiada com aqueles produtos. E nao gostava, sumia tudo do rosto num passe de mágica. Daí eu penso, se em Londres, que é eternamente frio e nao tem verao, aqueles produtos nao fixam, o que acontece se eu usar aqui no deserto ou no Rio? Nao dá mesmo, né? Mas dá vontade sim de ter uns produtinhos enfeitando a bancada.

Vicky disse...

Oi Gil!

Obrigada, seja bem-vinda! Pois é, as vezes quando penso parece que vivi 50 anos, com tanta coisa que já me aconteceu. Agora só quero o sossego da minha casa com meus livros e minha internet.

Adorei seu blog também. Já estou seguindo.

Beijao.

Mi disse...

e eu ainda pensei que vc estivesse em Londres! =) haja casas, mudancas e lembrancas! coisa boa! eu adoro...pq pra mim casa é onde nós 2 estamos...nao me importo aonde. bjs!

Vicky disse...

Oi Mikelli!

Pois é, hoje Londres ficou pra trás. E a gente aprende a se adaptar e fazer um lar onde quer que estejamos. Ou assim a gente espera!

Beijao.

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin